.

11 de junho de 2016

“Não Deixes Que Eu Me perca”



“Não Deixes Que Eu Me perca”
...
Não Deixes que eu me perca
vagando…
Nas entrelinhas da poesia.
Sejamos essência calmaria
Porque a superfície se esvai
com o tempo .
...
Guarde os versos que te escrevi
chorando.
Nos instantes plenos deste amor
Na doçura irremediável da paixão 
Que consomem em chamas…
E somente a ti.
concedo este amor demasiado..
Que de tanto querer-te … 
( Enlouqueci ) …
De tanto chorar. … Sofri
De tanto amar-te … Sorri 
… (poetizando-te ) ..
Em forma de saudade
...
Com paixão lírica no olhar
Eternizando
Pequenas e grandes momentos
com extrema intensidade.
Florescendo o sentimento
Nos canteiros fragmentados das ilusões
… Longe ou perto…
Meu sentir por ti vive em constante
evolução.
┈━═☆ Poetisa Sandra Pires ☆═┈