.

3 de maio de 2013

MEU ESPELHO MEU CONFIDENTE

 
 
MEU ESPELHO MEU CONFIDENTE

Olho-me.....ao espelho com insegurança.
Uma metade de mim ...é apenas lembrança.
A outra metade........é pura esperança.
O tempo passou.....sem eu me aperceber
Olho o espelho e não me quero convencer
A criança que era...já não estou a ver.
Meu espelho....reflete anos de saudade.
Reflete todas as etapas da minha idade.
Alegrias, conquistas, perdas,e emoções.
O espelho reflete minhas transformações.
Corro atrás de imagens há muito perdidas.
No espelho ainda cintilam emoções vividas.
O destino...apanhou-me mesmo de surpresa.
Usou um disfarce....e colheu-me indefesa.
De mim...apenas resta um sabor duradouro.
Vestígios de infância...memórias de ouro.
Me inundo em marcantes...... recordações.
Meus pensamentos.. se afogam em emoções.
O espelho reaviva toda a minha história.
Arquivada num cantinho secreto da memória.

Aurora M. F. C. Martins Afonso.