.

12 de dezembro de 2012

ASSIM DE REPENTE........



 ASSIM DE REPENTE........

De repente para você olho,
nada mais vejo,
o lenço não molho,
nem desejo seu beijo.

Apenas o vazio,
que deixou o cansaço,
de tantas penas,
desatei o laço.

De repente eu preciso,
o ar puro sentir,
preencher o espaço,
para a vida partir.

Assim de repente,
em mim não há mais nada,
que a ti me prende,
você não é mais presente.

Virou passado,
deixou de existir,
que pena para ti,
que sorte para mim.

Assim de repente....
Você me perdeu.

Luconi