.

30 de abril de 2010


MELL GLITTER: "UMA MENINA SONHADORA"

Natural da cidade de São Paulo, Mércia Regina Cândido Barcellos, ou melhor, Mell Glitter, nasceu aos 22 de março de 1969 e teve seus primeiros poemas escritos entre 1976/77.

Sonhadora desde que se conhece por gente, teve uma infância regada de fantasias e mundos criados por sua imaginação fértil.

De familia simples, foi criada solta e livre para ser a moleca que andava descalça, brincava na chuva, no barro, dependurava-se nas árvores, roubava flores dos jardins vizinhos para presentear a mãe, empinava pipa, jogava futebol, quebrava algumas vidraças e colecionava cicatrizes nos joelhos constantemente ralados.

Já na adolescência, foi uma rebelde sem causa.

Dona de uma teimosia e determinação sem igual, sentia-se a dona do mundo e fazia dele o que bem queria.

Deu muito trabalho a Dona Rosa, sua mãe, que com rédeas curtas tentava controlar os hormônios a flor da pele da adolescente impulsiva e namoradeira que fora.

Casou-se, separou-se e casou-se novamente.

O primeiro casamento, com um gaúcho, durou apenas 27 dias.

Já o segundo, com o atual marido, vem barrando os 19 anos de união.

Mãe coruja de três filhos: Bruno, Gabriele e Mariana.

Amadureceu, tornou-se mulher, mas continuou com a alma de menina sonhadora que sempre fora, embora a vida ensinou-lhe a sonhar com os pés no chão.

Mell Glitter é uma poeta atípica, que não anda de braços dados com as métricas e simetrias dos poemas tradicionais. Diz-se uma poeta modernista, já que é adepta aos versos livres.

Considera-se também uma poeta virtual, já que suas obras alardeiam as páginas do mundo on-line, onde já consta seu nome da busca automática do maior site de procura da internet, o Google, com mais de 10.000.000 de acessos até fevereiro de 2010.

Autora dos livros PERDIÇÃO e PIMENTA MALAGUETA, que venderam juntos, mais de 14.000 exemplares, através da internet.

Ainda em 2010, pretende lançar mais um livro poético de título "FETICHE" e bater seu próprio record de vendas pela Net.

Atualmente, além de poetar, apresenta todos os sábados, das 18:00 às 20:00 horas, pela ORKUTV - www.tvorkut.com.br -, seu programa chamado “Mell TV”, líder absoluto de audiência na emissora, com mais de 400 mil acessos por programa. As segundas-feiras, Mell Glitter também é vista na Tv Aberta São Paulo, no programa Tv Nordeste Brasil, onde apresenta o quadro "Favo de Mel ou Ferroada", através do canal 9 da NET, 92 da TVA e 186 da TVA DIGITAL.

Além de apresentadora e poeta, Mell Glitter também é promoter de eventos culturais na cidade de São Paulo.

Seus eventos são marcados pela irreverência, dinâmica e descontração com que são apresentados.

Em 2009, recebeu o PRÊMIO QUALITY INTERNACIONAL pela qualidade do conjunto de suas obras , além do PRÊMIO DESTAQUE BRASIL 2009, pelo reconhecimento profissional por sua atuação com ética e competência no exercício de suas atividades como poeta, apresentadora e promoter.

Já em 2010, foi laureada com o GRAN PRÊMIO EMPREENDEDORES DO MERCOSUL, onde mais uma vez recebeu o troféu de destaque do ano e já foi indicada para receber em breve o PRÊMIO SUA MAJESTADE A QUALIDADE, oferecida aqueles que tiveram reconhecimento e destaque na qualidade de suas obras.

Faz parte de algumas academias literárias, como a ACADEMIA BRASILEIRA DE POESIA - "CASA RAUL DE LEONI", ACADEMIA MOMENTO LITERO CULTURAL – Selmo Vasconcellos, ACADEMIA ARTPOP DE CABO FRIO e ACADEMIA POÇOENSE DE LETRAS E ARTES.

Links onde MELL GLITTER pode ser "desvendada":

Blog Mell Glitter:
http://mellglitter.blogspot.com/

Recanto das letras:
http://recantodasletras.uol.com.br/

autores/mellglitterBlog da infância pra lá de divertida e curiosa da
Mell Glitter:

http://mr.candido.zip.net/TWITTER - http://twitter.com/

MELL GLITTER se define em um dos seus poemas dessa forma:

ESCANDALOSAMENTE FELIZ

Não interprete-me mal
por essa minha vontade de viver a vida intensamente!
Mas é que nasci com essa gula de ser feliz
e esse meu desatino, é felicidade somente!

Eu sei que as vezes exagero e
acabo metendo os pés pelas mãos com minhas bobeiras...
Mas é esse vício de amar demais
que me sabota e me faz perder as estribeiras!

É complicado, eu sei,
mas esse meu jeito de ser,tá tatuado em mim...
E ainda que me chamem de louca,
posso garantir que sou bem feliz assim!

Desculpe-me ,somente,
pelas doses excessivas de liberdade que ouso fartar-me...
Mas é que não aprendi a viver de mãos dadas com as regras
e muito mal me sentiria se tentarem acorrentar-me!

Mas não desculparei-me por ser quem sou!
Ando de cabeça erguida com toda essa minha transparência.
Escandalosamente orgulhosa por este meu atrevimento
ser a marca registrada da minha essência!

Mell Glitter